O presidente da República, Jair Bolsonaro, voltou a criticar a restrição imposta pelo Facebook para que recebesse de apoiadores imagens sobre os impostos cobrados em combustíveis. 

O chefe do Executivo disse que a Advocacia-Geral da União (AGU) foi acionada para que investigue o bloqueio imposto pela plataforma. 

Do litoral catarinense onde passa o período de Carnaval, Bolsonaro disse que seria “certo” tirar de circulação jornais: 

O certo é tirar de circulação — não vou fazer isso, porque sou democrata — Globo, Folha de S.Paulo, Estadão, Antagonista, [que] são fábricas de fake news.” 

E acrescentou: 

“Agora deixa o povo se libertar, ter liberdade. Logicamente, se alguém extrapolar alguma coisa, tem a Justiça para recorrer. Agora o Facebook vir bloquear a mim e a população. É inacreditável que isso impere no Brasil. E não há reação da própria mídia.” 

Fonte: Renova Mídia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s