Pastores brasileiros influentes decidiram posicionar-se nas redes sociais em relação à peça publicitária do Burger King, que mostra crianças explicando a adultos o significado da sigla e defendendo a união homoafetiva.

No Instagram, o pastor Josué Valandro Jr., presidente da Igreja Batista Atitude, afirmou que a propaganda é um desrespeito às famílias que pensam diferente e afirmou que não retornará ao restaurante.

Qual o objetivo de fazer um vídeo como esse? Confundir as crianças? Mostrar a incapacidade dos pais de resistir ao desejo da mídia de impor conceitos sexuais distorcidos? Prejudicar a fé cristã? Uma coisa é certa: pra uma empresa de comida fazer um vídeo tão esdrúxulo com crianças, [é porque ela] não teve a menor preocupação em respeitar quem pensa diferente! Não me esperem mais em suas lojas! – escreveu.null

O pastor Josué Gonçalves, do ministério Família Debaixo da Graça, também se pronunciou, lamentando o uso da inocência das crianças para propagar a ideologia de gênero.

– Cada vez mais, estamos assistindo a um movimento, patrocinado pelas grandes empresas, que visa promover uma “ideologia” que é antifamília. Agora, de forma explícita, estão usando a inocência das nossas crianças para promover a “ideologia de gênero” que é uma afronta à família tradicional e à Palavra de Deus, [que] diz que o Criador fez “macho e fêmea”. Nós, cristãos, não somos homofóbicos. Respeitamos a decisão que os adultos tomam quanto à sua opção sexual. Porém, reprovamos usar as crianças para propagar aquilo que Deus reprova – declarou.

Pleno.news

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s